Meio&Mensagem

Evento ProXXIma

26 a 29 DE OUTUBRO DE 2020 | ONLINE

Lázaro Ramos

Ator, Apresentador, Diretor e Escritor

O ator, apresentador, diretor e escritor Lázaro Ramos é um dos nomes mais plurais e versáteis de sua geração. Ao longo de mais de 20 anos de carreira conquistou notoriedade muito além da dramaturgia – são mais de 30 filmes, cerca de 30 peças e 15 personagens marcantes na televisão. Com cerca de 5 milhões de seguidores nas redes sociais, o soteropolitano também tornou-se uma das vozes mais ativas, influentes e escutadas do País.

 

Em 2019, após lançar o projeto infantil Viagens da Caixa Mágica – que inclui álbum, show ao vivo, e clipes multimídia para o Youtube – o artista acaba de filmar Medida Provisória, longa-metragem que marca sua estreia na direção para o cinema. Como ator participa de O Silêncio da Chuva, dirigido por Daniel Filho (ainda sem data de estreia). Também no último ano celebrou o lançamento de seu quarto livro infantil, Sinto o Que Sinto e a Incrível História de Asta e Jase; seguiu em turnê com a montagem teatral O Topo da Montanha, também dirigida por ele; e ainda comanda, há 14 anos, o Espelho, do Canal Brasil, o que o torna um dos apresentadores de programas de entrevista mais longevos em exibição na televisão nacional.

 

Nascido em Salvador, na Bahia, Lázaro começou a atuar no Bando de Teatro Olodum, coletivo teatral que se tornou um dos símbolos de resistência das artes brasileiras e por lá encarnou, desde a década de 1990, personagens marcantes em montagens como Sonho de Uma Noite de Verão, Ópera dos Três Vinténs, Dom Quixote, Cabaré da Raça e Zumbi – o Bando seria mais tarde, em sua trajetória, revisitado em diversos momentos e levado e adaptado com Lázaro também para a televisão e para o cinema como o megassucesso Ó Paí Ó. Em 2018, Lázaro também dirigiu, ao lado de Thiago Gomes, o documentário Bando, Um Filme De:, para celebrar os 28 anos de carreira do grupo que o catapultou à fama.

 

Ao sair da Bahia, seu êxito seguiu fora do grupo com destaque para A Máquina (2000), Mamãe Não Pode Saber (2002) e o Método Gronholm  (2007). Perseguindo cada vez a implementação de projetos autorais, desde 2015 ele dirige, atua e produz o espetáculo O Topo da Montanha – sucesso sem precedentes na história recente do teatro brasileiro – em que interpreta o reverendo Martin Luther King ao lado de Taís Araújo – a obra já levou mais de 300 mil espectadores aos teatros e segue em turnê, sempre com ingressos esgotados.

 

Em sua vasta carreira cinematográfica constam mais de 30 filmes incluindo o cultuado Madame Satã (2002) e outros títulos também celebrados como Carandirú (2003) O Homem Que Copiava (2003), Meu Tio Matou um Cara (2004), Cidade Baixa (2006), Saneamento Básico (2007), Tudo que Aprendemos Juntos (2015), Mundo Cão (2016) e o recente Beijo no Asfalto (2018) – além disso, Lázaro acaba de filmar O Silêncio da Chuva, de Daniel Filho e sua importante contribuição ao cinema nacional foi, em 2019, detentora de uma homenagem no Festival de Gramado.

Outros palestrantes