Meio&Mensagem

Metaverso, áudio e futuro do branding nos palcos do ProXXIma

Trilha dedicada a Conteúdo e Inovação é um dos destaques da edição 2021 do evento


26 de outubro de 2021 - 16h58

Em 2021, o ProXXIma acontecerá nos dias 17 e 18 de novembro, em formato híbrido (Crédito: Eduardo Lopes)

Em um mundo hiperconectado, como criar conteúdo que seja realmente inovador? Essa dúvida é quase unanimidade no dia a dia dos profissionais de comunicação, marketing e mídia. E, para buscar respostas e fomentar discussões, a edição 2021 do ProXXIma dedicará quatro painéis, ao longo dos dois dias de evento, à trilha Conteúdo e Inovação.

Neste ano, o evento acontecerá nos dias 17 e 18 de novembro, em formato híbrido, pelo qual parte das atrações serão transmitidas online. O ProXXIma também contará com programação presencial no WTC Events Center, em São Paulo. Ingressos ainda estão disponíveis no site.

Anualmente, o ProXXima reúne líderes e gestores para discutir o impacto que a inovação e a tecnologia podem ter nos negócios, com apresentações de palestrantes internacionais, cases e experiências de sucesso no mundo.

Em todos os formatos
Recentemente, estudo realizado pela IPG MediaLab, com Forbes e Syracuse University’s Newhouse School, apontou que o branded content gera recall para as marcas 59% maior do que os outros tipos de publicidade digital. Mas, criar conteúdo que seja alinhado com a estratégia de negócios e, ao mesmo tempo, que esteja para pronto para competir com as inúmeras opções de entretenimento disponíveis no mundo digital é um desafio. Para debater isso, o painel “Como ser original sendo branded” reúne Alberto Pereira, head de produção e conteúdo na Trace, e o sócio e cofundador da Play9, João Pedro Paes Leme. Pereira apresenta, roteiriza e dirige o programa “Trace Trends”, sobre cultura afrourbana, que está no ar pela RedeTV e no canal Trace Brazuca. Já Paes Leme, que tem Felipe Neto como sócio, tem transformado a Play9 em mediatech.

O áudio também terá espaço garantido nesta edição. O avanço dos podcasts, o boom do aplicativo de áudio Clubhouse, os investimentos de bigtechs como Facebook, Twitter e YouTube em ferramentas próprias e até os assistentes virtuais, que têm se tornado peças estratégicas na comunicação, convergem para a discussão sobre a abrangência do áudio como nova avenida de crescimento do conteúdo. Fica a cargo de MM Izidoro, sócio e estrategista de narrativas da Ampère, e Michel Blanco, head de reputação e comunicação corporativa da Natura &Co, debaterem se todos os caminhos levam ao áudio ou se é apenas mais um hype.

O metaverso, que foi um dos temas mais quentes da edição deste ano do South by Southwest (SXSW) e vem chamando a atenção das marcas, está na programação do ProXXIma 2021. Neste ano, Mark Zuckerberg, cofundador e CEO do Facebook Inc., afirmou que o futuro da corporação é a construção de um metaverso. A Microsoft está trabalhando em um “metaverso empresarial”, enquanto a Epic Games captou U$S 1 bilhão para investir no tema. À frente da Riot Games no Brasil, Diego Martinez, dividirá o palco com Vanessa Mathias, cofundadora da White Rabbit, para debater porque as empresas estão investindo na ascensão dos avatares e universos paralelos, além de como será o caminho até a materialização do metaverso.

A trilha Conteúdo e Inovação terá ainda o debate “Branding na era da abundância: construindo marca por meio da inovação”. No painel, Felipe Maffei, diretor de produtos, inovação, tecnologias de pagamento e customer experience da Elo, e Renate Giometti, gerente de marketing da Nestlé, abordam os novos alicerces do relacionamento entre empresas e consumidores numa era em que ativos passados não garantem a longevidade dos negócios.

Publicidade

Compartilhe

Patrocínio Master

Realização