Meio&Mensagem
Publicidade

Evento ProXXIma

8 E 9 DE MAIO DE 2018 | SHERATON SÃO PAULO WTC HOTEL - SP

“Ser data-driven é uma questão de sobrevivência”

De acordo com Mitikazu Lisboa, CEO da Hive Marketing Technology, para ascender na transformação digital é necessário confiar nos dados

Thaís Monteiro
9 de maio de 2018 - 17h28

A discussão sobre transformação digital segue em alto e o uso de dados é essencial nesse sentido. No entanto, de acordo com Mitikazu Lisboa, CEO da Hive Marketing Technology, em painel durante o segundo dia do ProXXIma 2018, a análise e uso dos dados ainda são precários e desvalorizados pela maioria das empresas. “Ser data-driven não é ter um analista de PI ou uma ferramenta de análise de dados”, afirmou Lisboa.

 

(Crédito: Denise Tadei)

Para o executivo, em quatro anos não existirá uma empresa que não faça uso de dados. O primeiro passo para adaptar-se ao modelo data-driven, que coloca o dado acima da interferência humana, é estabelecer uma base unificada, de visibilidade consolidada, para que a empresa possa automatizar ofertas sustentadas pelo mapeamento dos perfis de consumidores, suas ações e interesses e tentar antecipar seus desejos.

Na prática, esses procedimentos auxiliam na criação de campanhas segmentadas, no estabelecimento de uma relação mais personalizada com o consumidor (ainda que, às vezes, possa ser automatizada), na previsão do volume de tráfego em lojas físicas, além de permitir que a empresa tenha detalhes sobre essas segmentações de público (sua média de gastos no serviço, as redes sociais e aparelhos mais utilizados etc.).

O desafio principal ainda é permitir que os dados façam a decisão ao invés da opinião enviesada de funcionários e dirigentes de empresas. “Quanto maior a empresa, maior é o sistema imunológico dela e é mais difícil de implementar o modelo data-driven”, afirmou Mitikazu. “Se você não está causando disrupção, alguém está. Alguém precisa destruir o negócio de vocês, e é melhor se for vocês mesmos”.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • automatização

  • consumidor

  • dados

  • data-driven

  • Hive Marketing Technology

  • IA

  • Inteligência Artificial

  • Mitikazu Lisboa

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

Realização